Ana Foz

Atualizado: Fev 5

AV – Quando e como você descobriu seu enorme talento para a arte floral?

Foto: Divulgação


AF – Cresci vendo minha mãe preparando arranjos e isso me encantava. Quando adulta tive a oportunidade de fazer um curso em Londres com a melhor florista da época, desde então comecei a desenvolver a arte floral.

AV – Qual o caminho percorrido até chegar ao seu elegante e charmoso Studio Ana Foz?

AF – O caminho foi longo. Quando gostamos do que fazemos temos que sempre aprimorar. Fiz muitos cursos na Europa e alguns nos Estados Unidos até evoluir e formar a minha própria técnica.

AV – Como funciona a moda no mundo dos arranjos?

AF – É preciso estar sempre atento às novas tendências através de livros, cursos, desfiles, exposições e revistas.

AV – Sei que você está em constante busca de novas técnicas. Onde estão as fontes que você mais procura?

AF – Ás vezes as fontes estão mais perto de mim do que imagino. Dom é algo inato e aprimora-se com o tempo. Já me inspirei em arranjos maravilhosos através do colorido de uma escola de samba. Procuro também atualizar-me através de cursos com profissionais no exterior.

Foto: Divulgação


AV – Os mentores se alternam ou você permanece fiel a algum em especial?

AF – Sou fiel a um florista em especial. Suas técnicas fazem aflorar minha criatividade, porém estou sempre consultando outros floristas e acrescentando à minha bagagem. AV – Seus queridinhos estão só na Europa ou alguma inspiração vinda dos EUA existe?

AF – Já tive inspirações vindas dos EUA, mas sem dúvidas os Europeus ainda são campeões.

AV – Você chegou a fazer alguma produção no exterior?

AF – Já dei aulas em Londres e também alguns eventos na Europa. Recentemente fiz um bouquet de noiva e uma matéria para uma revista em Lisboa.

AV – A variedade de flores no Brasil causa inveja aos grandes floristas internacionais?

AF Os floristas internacionais se espantam com a variedade e quantidade de flores que temos. Os Holandeses também têm flores maravilhosas. Cada povo com suas flores típicas e todas lindas. AV – Quais os temas que você mais curte traduzir em arranjos?

AF – Gosto de fazer produções de mesas e adoro arriscar nas cores. Harmonia de cores sempre foi minha especialidade. AV – Como é a dinâmica da aula no seu Studio?

AF –O Studio oferece cursos voltados a alunas(os) que queiram se profissionalizar na área e também aquelas(es) que desejam aprender por lazer. As oficinas são mensais, intensivas ou workshops. O curso consiste em uma aula por semana com duração de 2 horas. Temos turmas às 4as. e 5as. feiras no período da manhã e tarde. O Studio oferece as flores, os arranjos são confeccionados e ao final a(o) aluna(o) leva o mesmo.

Foto: Divulgação


Foto: Divulgação


AV – Para pessoas que moram fora da cidade, existe algum curso intensivo de curta duração?

AF – Sim, temos cursos intensivos. Estes cursos ocorrem as 6as. feiras durante o dia todo. A(o) aluna(o) faz um mês em apenas um dia. Os cursos são temáticos: Festas, Mesa de Doces, Arranjos com Flores e Frutas, Arranjos variados e bouquets.

AV – Você arranja tempo para produções em eventos?

AF – Sim, sempre estamos produzindo alguns eventos, devido à intensa atividade de aulas no Studio, diminuímos um pouco a assiduidade.

AV – O Studio também aceita encomenda de arranjos para casa ou escritório?

AF – Fazemos manutenção de residências, escritórios e aceitamos encomendas com antecedência.

#MulheresEmpresárias

0 visualização

Fique por dentro das novidades

© 2020 Amantes da Vida - Todos os direitos reservados